Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




O maior tesouro!

por Viver os Sonhos, em 20.03.13
Nós esquecemos-nos de como esperar; este é um espaço quase abandonado. No entanto, ser capaz de esperar pelo momento certo é o nosso maior tesouro. A existência inteira espera pelo momento certo. Até as árvores sabem disso: qual é o momento de florescer, e o de deixar que as folhas caiam, e de se erguerem nuas ao céu. Também nessa nudez elas são belas, esperando pela nova folhagem com grande confiança de que as folhas velhas tenham caído, e de que as novas logo estarão chegando. E as folhas novas começarão a crescer.

Nós nos esquecemos de como é esperar: queremos tudo com pressa. Trata-se de uma grande perda para a humanidade... Em silêncio e à espera, alguma coisa dentro de nós vai crescendo, o seu autêntico ser. Um dia ele salta e se transforma numa labareda, e a sua personalidade inteira é estilhaçada: somos um novo homem. E esse novo homem sabe o que é uma cerimonia, esse novo homem conhece os sumos eternos da vida.

Osho Zen

Saber esperar... é uma dádiva. 

Beijinhos tranquilos.
Isa

Autoria e outros dados (tags, etc)


Além do ego

por Viver os Sonhos, em 08.03.13
Se quiser atingir um estado de êxtase, vá além do seu ego e do diálogo interno. Tome uma decisão de renunciar à necessidade de controlar, de ser aprovado e de julgar. Essas são as três coisas que o ego faz o tempo todo. É muito importante estar ciente a respeito delas de cada vez em que elas vem à tona.

Deepak Chopra

Autoria e outros dados (tags, etc)


O Dom da vida...

por Viver os Sonhos, em 20.02.13

Sabemos que a vida em si própria é um Dom que chega até nós envolto num belo papel de embrulho. Por vezes, porém, concentramo-nos de tal modo no brilho do papel de embrulho que nunca passamos da superfície. Nunca desembrulhamos. Nunca exploramos as profundezas daquilo que é a vida. Precisamos de desembrulhar os Dons que a vida nos oferece e descobrir verdadeiramente o que há dentro de nós.
Um obstáculo que nos impede de desembrulhar o Dom é a autoculpabilização. É como se o papel de embrulho estivesse sujo e isso nos levasse a deitar fora o Dom contido no seu interior, presumindo que não presta. E, no entanto, caso tivéssemos desembrulhado o Dom, poderíamos encontrar algo de verdadeiramente precioso. Para descobrirmos o Dom que a Natureza nos concedeu temos de começar por deixar de nos culpar por sermos quem somos.

SUA SANTIDADE SRI SRI RAVI SHANKAR

Eu penso que muitas vezes agravamos os nossos problemas porque arranjamos maneira de nos sentirmos culpados, por agir ou ser de determinada forma e não como outros gostariam que fossemos.

Beijinhos e bons sonhos!
Isa

Autoria e outros dados (tags, etc)


Saberemos nós Amar?

por Viver os Sonhos, em 12.02.13
Boa tarde amigos sonhadores!

E porque hoje é domingo, vamos refletir um pouco sobre o amor, a forma como amamos e nos deixamos amar. Assim vejamos o que nos diz Erich Fromm, psicólogo e sociólogo sobre o verdadeiro amor incondicional....
O amor maturo é uma união sob a condição de preservar a integridade e a individualidade de cada um. O amor é um poder ativo no homem; um poder que atravessa as fronteiras que separam o individuo do seu semelhante, um poder que o une a outrem. O amor faz com que o ser humano ultrapasse a sua sensação de isolamento e de separação e, no entanto, permiti-lhe ser ele mesmo, manter a sua integridade. No amor dá-se um paradoxo: dois seres transformam-se num só e, no entanto, continuam a ser dois.
No seu célebre livro A Arte de Amar, traduzido em mais de 28 idiomas, salienta que " A mais profunda necessidade humana é, então, a de ultrapassar a sua separação, de deixar a prisão da sua solidão".
No meu entender este autor leva-nos para a seguinte questão/reflexão: saberemos nós verdadeiramente amar?
A grande maioria das pessoas não sabe amar senão a um nível superficial, sendo incapazes de sentir aquilo que o amor realmente é. Na sua essência o amor é uma força composta de maturidade, autoconhecimento e coragem. O amor é uma arte que exige dedicação, treino e concentração. 
Acho importante refletirmos sobre as várias faces do amor - do amor romântico e as falsas noções que o rodeiam até ao amor paterno, filial, erótico e religioso -, e sobre o significado autêntico da prática de amar.

E por agora com esta reflexão vos deixo. E que dá muito que pensar, isso não há dúvidas. Mas se me permite um conselho: ame mais, pense menos.

Bom domingo. Beijinhos amorosos!

Isa do blogue Viver os Sonhos

Autoria e outros dados (tags, etc)


O NOSSO PROPÓSITO ESPIRITUAL

por Viver os Sonhos, em 03.02.13

Poderá ainda não conhecer WaynDyer, mas todas as pessoas que se dedicam a aprofundar-se nas áreas de crescimento pessoal sem dúvida alguma já leu alguma frase,
artigo, ou mesmo um livro deste espetacular autor.

Como podemos saber qual é a nossa missão, como mudar e criar a nossa vida, como ir além da ilusão e do ego e alcançarmos a nossa essência e sentir a verdadeira paz e felicidade. Excelentes mensagens espirituais e muito inspiradoras do filme de
Wayne Dyer: A mudança | The Shift

Algumas das obras de renome mundial do autor publicadas em português:
  • Seus Pontos Fracos
  • A Força Invisível
  • Peça E Será Atendido
  • A Força Da Intenção
  • O Céu É O Limite
  • Chega De Tristeza
  • Crer Para Ver
  • Muitos Mestres
  • Os 10 Segredos Para O Sucesso E A Paz Interior
  • Não Se Deixe Manipular Pelos Outros
  • Para Todo Problema Há Uma Solução
  • Pensamentos De Sabedoria
  • O Que Você Realmente Quer Para Seus Filhos
  • Realize Seu Destino
  • Sabedoria Para Todos Os Dias
  • Seu Eu Sagrado
  • A Verdadeira Magia
  • Vida Em Equilíbrio
  • As Suas Zonas Mágicas

 
Como encontrar o CAMINHO para o nosso PROPÓSITO ESPIRITUAL?
'The Shift' é um filme maravilhoso que capta a ansiedade da vida de cada um e a mudança para uma vida mais significativa, dirigida pela alma.
Completamente despreparados, damos o passo para a 'tarde da vida' (the afternoon of life). Pior ainda, poderemos dar esse passo com o falso pressuposto de que os nossos ideais, as nossas verdades nos servirão como até aqui. Mas não podemos viver a 'tarde da vida', segundo o programa da 'manhã da vida', pois o que foi grande na parte da manhã será pouco de noite e o que era verdade na parte da manhã, à tarde, terá se tornado uma mentira. - Carl Gustav Jung.
O filme explora as vidas interligadas de um empresário sobrecarregado de trabalho (interpretado por Edward Kerr), uma mãe de dois filhos jovens que procura a sua própria expressão no mundo (Shannon Sturges), e um realizador de filmes que procura reconhecimento e aposta tudo na sua carreira (Michael DeLuise).
'The Shift' não só inspira, mas também nos ensina como encontrar o caminho para o nosso propósito espiritual e, por isso, a nossa maior alegria.
Wayne Dyer aparece no filme como ele mesmo. 'Eu tenho 68 anos e uma nova carreira' -  explicou Dr. Dyer, 'Quando me pediram para fazer este filme, eu não achei que era demasiado velho para fazer algo que nunca tinha feito antes. Pensei que estou aberto a tudo. Estou disposto a mudar e a aprender. Eu estou mais orgulhoso deste filme do que qualquer coisa que já fiz antes.'
Não deixe de assistir a este filme. Pode aceder a partir daqui se quiser. Aqui fica a sugestão para a sua tarde de domingo. 
Beijinhos espirituais .
ISA

O Filme The Shift







Autoria e outros dados (tags, etc)


Libertar a resistência

por Viver os Sonhos, em 01.02.13

Atitudes para se libertar das resistências e elevar sua vibração:

*ouça músicas que lhe façam sentir alegria no coração;
*ande no meio da natureza sempre que puder;
*acaricie o seu animal;
* aprecie uma planta ou flor;
* pense em coisas agradáveis e positivas;
* sinta o amor de você... para você mesmo;
* medite;
* faça do seu dia o melhor de todos os dias;
* sinta-se merecedor(a) da felicidade, abundância, prosperidade e de todas as coisas boas da vida, como direito e herança divinos.
*descubra um pensamento ou atitude que o faça se sentir bem e o pratique até harmonizar a energia dentro de você; outros pensamentos semelhantes serão atraídos por você e seguirão os demais, multiplicando-os;
*diga ao seu Eu Superior: “Permito que a energia essencial flua através de mim de maneira pura, tranquila, amorosa e motivadora”.


Aproveite o fim de semana da melhor forma pondo já em prática estas atitudes.

Beijinhos libertadores!

ISA

Autoria e outros dados (tags, etc)


Como tirar a dor da alma?

por Viver os Sonhos, em 31.01.13

 

 


Queridos amigos convido-vos a assistir a estes pequenos vídeos muitos interessante e úteis já que apresentam as terapias e a forma mais saudável de acabar com a dor de alma, com os sentimentos negativos e retomarmos a nossa calma e tranquilidade... e até mesmo evitar doenças como o cancro fazendo um  resgate à nossa PAZ interior. Para isto é necessário trabalharmos a nossa espiritualidade.

Espero que gostem

Beijos amorosos!

 ISA

Autoria e outros dados (tags, etc)


Autodefesa e autoconsciência energética

por Viver os Sonhos, em 31.01.13
Olá amigos sonhadores!

Hoje vou abordar a temática - autodefesa energética e assimilação de energia dos outros. Vamos realçar situações que nos acontecem constantemente mas que a maior parte das vezes não temos consciência plena delas ou mesmo nenhuma. vou concretizar.
Regra geral as pessoas pensam que tudo o que lhes acontece está diretamente relacionado com a energia que cada um próprio carrega nesse momento. No entanto, como já a psicologia, filosofia budista e outras áreas da ciência comprovaram a energia de cada um é sensível às emoções e estados de espírito  que alberga no seu íntimo. Assim torna-se imprescindível observar o próprio corpo, as sensações, os pensamentos e os sentimentos. Somos seres responsáveis pela energia que criamos para nós próprios, e somos também responsáveis pela energia que transmitimos a outras pessoas.



Segundo  o Curso de autodefesa energética, existe uma participação do próprio indivíduo quando este sente, por exemplo, uma dor de cabeça, um peso no ombro, quando começa a ter pensamentos estranhos sem razão aparente, quando chora sem motivo, quando sente frio durante um dia de grande calor, quando sofre acidentes consecutivamente, quando a vida parece bloqueada e nada parece dar certo. Estes, são apenas alguns exemplos de sintomas de assimilação e energia de outras pessoas.
O que fazer? A resposta está em aprender a andar única e exclusivamente com a sua própria energia, sem a energia de mais ninguém. É preciso aprender a preservar a energia individual, o que não significa evitar o contacto com outras pessoas, mas sim desenvolver consciência energética e presença de espírito. É necessário "estar em casa". Falo da única e verdadeira casa que possuímos e que é o nosso corpo, a casa do nosso espírito. E o espírito estará onde a atenção estiver centrada.
O primeiro passo é desenvolver autoconsciência energética. Se eu não conhecer a minha energia, também não consigo saber de que forma estou a permitir que outras energias externas entrem na minha vida e interfiram no meu dia-a-dia. Cada pessoa possuí níveis diferentes de bloqueios energéticas ou psíquicos. O importante é que cada pessoa consiga preservar a própria energia, física e psíquica, e experienciar uma vida livre de bloqueios energéticos e confusões espirituais.
  
Mestre Denis Alves Viatico

Se se interessam por este tema pesquisem mais post aqui no blogue.

Beijinhos energéticos!
ISA

Autoria e outros dados (tags, etc)


Sonhos de libertação - Pesadelos

por Viver os Sonhos, em 28.01.13
Os sonhos de libertação são, de um modo geral, os sonhos mais confusos, caóticos, revoltantes e perturbadores que temos. Também estão entre os mais necessários porque é através dos nossos sonhos de libertação que nos livramos do lixo mental e emocional que juntamos diariamente.
Alguns sonhos de libertação são completamente descabidos e merecem apenas uma breve risada quando acordamos. Muitos outros são pesadelos que podem ficar connosco durante bastante tempo, uma vez que o medo é uma emoção da qual é muito difícil libertarmo-nos. Mas sem os sonhos de libertação, pesadelos incluídos, todos nós sofreríamos de stress crónico ou seríamos  completamente psicóticos, e é por isso que são mais do que merecedores do desconforte que frequentemente nos causam. 
O que as nossas mentes conscientes afastam o mais rapidamente possível, é registado pelas nossas mentes subconscientes, que depois agem com base nisto; fazem-no não para serem perversas e verificarem até que ponto podem assustar-nos, mas para nos garantirem que mesmo que a nossa versão do "pior possível" aconteça, de alguma forma conseguiremos sobreviver a isso, por muito emocionalmente devastador que possa ser. 
Uma das razões de ser dos sonhos de libertação é dar às nossas mentes subconscientes sábias e eternas a oportunidade de nos mostrarem que , no final de contas, ficaremos bem.
Assim, os sonhos de libertação em geral podem dar-nos uma imagem infinitamente expansiva de nós mesmos, do que está a acontecer nas nossas vidas e do que realmente sentimos acerca das coisas, sentimentos esses que, tal como os referidos "piores cenários possíveis" somos impedidos de confrontar, pois as nossas mentes conscientes estão frequentemente demasiado ocupadas, confusas ou com medo para nos deixarem fazê-lo.

O Livro dos Sonhos de Sylvia Browne, médium, mestre espiritual e autora de renome que já tocou os corações de milhões de leitores.

Queridos Golfinhos amorosos espero que não tenham tido ultimamente muitos sonhos/papelosas. No entanto, como tudo na vida, estes sonhos têm uma explicação como vimos: mecanismo de limpeza da nossa mente subconsciente do lixo mental e emocional. Afinal é uma bênção... 

Excelente início de semana.

Beijinhos libertadores!

ISA

  

Autoria e outros dados (tags, etc)


Sonhos e livre-arbítrio!

por Viver os Sonhos, em 25.01.13
Até que ponto sou responsável por mim mesmo?
Sempre tomei decisões que me favoreceram? 
Posso conduzir a minha vida sem medo de errar? 
Hoje vou pensar nisto, vou meditar sobre o assunto. O meu livre-arbítrio foi usado por mim, desde sempre, mas como e que eu o usei?... 
Se tenho sonhos não realizados, esperanças arruinadas e preces não atendidas, preciso parar e verificar o que estou a fazer comigo mesmo, preciso ver se as minhas opções sempre estiveram de acordo com a lei divina que apregoa o amor e a caridade acima de tudo. 
Se a resposta for não, não vou ficar triste mas sim aproveitar para mudar. E para melhor, começando a discernir, de fato, entre o que é bom para mim, verdadeiramente, e o que é nocivo, para não me equivocar mais e triunfar nas tentações e ciladas naturais da vida.
 Fonte: Instituto André Luiz
Boa sexta feira queridos sonhadores. Esta mensagem mostra-nos de forma clara como podemos realmente perceber se estamos ou não a tomar as melhores decisões na nossa vida, se somos corajosos e seguimos os nossos sonhos de acordo com o nosso livre arbítrio. 
 
Beijinhos Corajosos!
Isa
 
 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Posts mais comentados




Mensagens


subscrever feeds