Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




O NOSSO PROPÓSITO ESPIRITUAL

por Viver os Sonhos, em 03.02.13

Poderá ainda não conhecer WaynDyer, mas todas as pessoas que se dedicam a aprofundar-se nas áreas de crescimento pessoal sem dúvida alguma já leu alguma frase,
artigo, ou mesmo um livro deste espetacular autor.

Como podemos saber qual é a nossa missão, como mudar e criar a nossa vida, como ir além da ilusão e do ego e alcançarmos a nossa essência e sentir a verdadeira paz e felicidade. Excelentes mensagens espirituais e muito inspiradoras do filme de
Wayne Dyer: A mudança | The Shift

Algumas das obras de renome mundial do autor publicadas em português:
  • Seus Pontos Fracos
  • A Força Invisível
  • Peça E Será Atendido
  • A Força Da Intenção
  • O Céu É O Limite
  • Chega De Tristeza
  • Crer Para Ver
  • Muitos Mestres
  • Os 10 Segredos Para O Sucesso E A Paz Interior
  • Não Se Deixe Manipular Pelos Outros
  • Para Todo Problema Há Uma Solução
  • Pensamentos De Sabedoria
  • O Que Você Realmente Quer Para Seus Filhos
  • Realize Seu Destino
  • Sabedoria Para Todos Os Dias
  • Seu Eu Sagrado
  • A Verdadeira Magia
  • Vida Em Equilíbrio
  • As Suas Zonas Mágicas

 
Como encontrar o CAMINHO para o nosso PROPÓSITO ESPIRITUAL?
'The Shift' é um filme maravilhoso que capta a ansiedade da vida de cada um e a mudança para uma vida mais significativa, dirigida pela alma.
Completamente despreparados, damos o passo para a 'tarde da vida' (the afternoon of life). Pior ainda, poderemos dar esse passo com o falso pressuposto de que os nossos ideais, as nossas verdades nos servirão como até aqui. Mas não podemos viver a 'tarde da vida', segundo o programa da 'manhã da vida', pois o que foi grande na parte da manhã será pouco de noite e o que era verdade na parte da manhã, à tarde, terá se tornado uma mentira. - Carl Gustav Jung.
O filme explora as vidas interligadas de um empresário sobrecarregado de trabalho (interpretado por Edward Kerr), uma mãe de dois filhos jovens que procura a sua própria expressão no mundo (Shannon Sturges), e um realizador de filmes que procura reconhecimento e aposta tudo na sua carreira (Michael DeLuise).
'The Shift' não só inspira, mas também nos ensina como encontrar o caminho para o nosso propósito espiritual e, por isso, a nossa maior alegria.
Wayne Dyer aparece no filme como ele mesmo. 'Eu tenho 68 anos e uma nova carreira' -  explicou Dr. Dyer, 'Quando me pediram para fazer este filme, eu não achei que era demasiado velho para fazer algo que nunca tinha feito antes. Pensei que estou aberto a tudo. Estou disposto a mudar e a aprender. Eu estou mais orgulhoso deste filme do que qualquer coisa que já fiz antes.'
Não deixe de assistir a este filme. Pode aceder a partir daqui se quiser. Aqui fica a sugestão para a sua tarde de domingo. 
Beijinhos espirituais .
ISA

O Filme The Shift







Autoria e outros dados (tags, etc)


Energia da Interexistência no Mundo

por Viver os Sonhos, em 01.02.13
Queridos amigos, o prometidos é devido. 
Não podia deixar o dia terminar sem publicar os catorze preceitos da Ordem da Interexistência conforme tinha dito na página do facebook de viver os sonhos. Tenho apresentado algumas orientações de autodefesa energética de forma a manter a consciencialização do que se passa dentro de nós e imediatamente à nossa volta. Porém, conforme caminhamos para o mundo mais vasto, há algumas linhas de orientação adicionais que nos podem também ajudar  e proteger e que podem ser úteis quanto à tomada de decisões.

 Para ler o primeiro preceito clique aqui

2. Não pense que o conhecimento que agora detém é a verdade imutável e absoluta. Evite a tacanhez de espírito e ficar preso aos pontos de vista atuais. Aprenda e pratique o desapego relativamente a pontos de vista, de modo a estar disponível para aceitar o ponto de vista dos outros. a verdade encontra-se na vida e não no mero conhecimento concetual. Esteja pronto a aprender durante a sua vida inteira e a observar a sua realidade e a do mundo em todos as circunstâncias.


3. Não force os outros, inclusivamente as crianças, seja de que forma for, a adotar os seus pontos de vista, seja através de exercício da autoridade, da ameaça, do dinheiro, da propaganda ou da educação. Ajude-os, porém, a renunciar ao fanatismo e à tacanhez de espírito através do diálogo compassivo.

4. Não evite entrar em contacto com o sofrimento nem feche os olhos a ele. Não perca a consciência da existência do sofrimento na vida mundial. Arranje formas de ser solidário com aqueles que estão a sofrer, recorrendo a todo o tipo de meios, inclusivamente o contacto pessoal e as visitas, imagens e sons. Através destes meios, acorde e desperte os outros para a realidade do sofrimento existente no mundo.

5. Não acumule riquezas enquanto milhões de pessoas passam fome. Não tome como objectivos da sua vida a fama, a riqueza ou os prazeres mundanos. viva de uma forma simples e partilhe tempo, energia e recursos materiais com aqueles que precisam.

6. Não alimente a raiva ou o ódio. Aprenda a penetrar neles e a transformá-los enquanto ainda não passam de sementes na sua consciência. Assim que a raiva ou o ódio surgirem, foque a sua atenção na sua respiração de forma a ver e a compreender a natureza da sua raiva ou do seu ódio e a natureza das pessoas que originaram a sua raiva ou o seu ódio.

7. Não se disperse e não desconcentre daquilo que o rodeia. Pratique a respiração conscienciosa de forma a virar-se para aquilo que está a acontecer no momento presente. Sintonize-se com tudo o que de maravilhoso, refrescante e benéfico, tanto dentro de si como à sua volta. Cultive em si as sementes da alegria, da paz e da compreensão, de modo a facilitar o trabalho de transformação a fazer nas profundezas da consciência.

8. Não profira palavras que possam gerar discórdias e fazer com que a comunidade se divida. Reúna todos os esforços no sentido da reconciliação e de resolução de todos os conflitos, por menores que sejam.

9. Não diga mentiras por razões pessoais ou para impressionar as pessoas. Não profira palavras que causem divisões e ódios. Não espalhe notícias de que não tem a certeza. Não critique ou condene algo sobre o qual não está seguro. Diga sempre a verdade e de forma construtiva. Tenha a coragem de denunciar situações de injustiça, ainda que aquilo que vai dizer possa ameaçar a sua própria segurança.

10. Não se sirva da comunidade religiosa para obter ganhos ou lucros pessoais, nem transforme a comunidade num partido político. No entanto, uma comunidade religiosa deve ter uma posição inequívoca contra a opressão e a injustiça e deve lutar para mudar a situação sem se envolver em conflitos partidários.

11. Não alimente uma vocação que é prejudicial à humanidade e à Natureza. Não invista em empresas que privam os outros da sua oportunidade de viver. Escolha uma vocação que o ajude a concretizar o seu ideal  de compaixão.

12. Não mate. Não deixe que os outros matem. Descubra todos os meios possíveis de proteger a vida e de evitar a guerra.

13. Nada possua que deva pertencer aos outros. Respeite a propriedade alheia, mas impeça que outros enriqueçam à custa do sogrimento humano ou do sofrimento de outros seres.

14. Não maltrate o seu corpo. Aprenda a tratá-lo com respeito. Não veja o seu corpo apenas como um instrumento. Preserve as energias vitais para a concretização do Caminho. A expressão sexual não deve ocorrer sem que haja amor e compreensão. Nas relações sexuais tenha noção do sofrimento futuro que pode ser gerado. A fim de preservar a felicidade dos outros, respeite os direitos e compromissos alheios. Tenha aperfeita consciência da responsabilidade de trazer novas vidas ao mundo. Medite sobre o mundo para o qual está a trazer novos seres.

Thich Nhat Hanh   

Será que todos juntos conseguiremos que a nossa Civilização  cresça nos valores da Caridade, Paz, amor, Solidariedade, Compaixão, Tolerância... Será que é um SONHO impossível!...

Beijinhos existenciais!
ISA 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Libertar a resistência

por Viver os Sonhos, em 01.02.13

Atitudes para se libertar das resistências e elevar sua vibração:

*ouça músicas que lhe façam sentir alegria no coração;
*ande no meio da natureza sempre que puder;
*acaricie o seu animal;
* aprecie uma planta ou flor;
* pense em coisas agradáveis e positivas;
* sinta o amor de você... para você mesmo;
* medite;
* faça do seu dia o melhor de todos os dias;
* sinta-se merecedor(a) da felicidade, abundância, prosperidade e de todas as coisas boas da vida, como direito e herança divinos.
*descubra um pensamento ou atitude que o faça se sentir bem e o pratique até harmonizar a energia dentro de você; outros pensamentos semelhantes serão atraídos por você e seguirão os demais, multiplicando-os;
*diga ao seu Eu Superior: “Permito que a energia essencial flua através de mim de maneira pura, tranquila, amorosa e motivadora”.


Aproveite o fim de semana da melhor forma pondo já em prática estas atitudes.

Beijinhos libertadores!

ISA

Autoria e outros dados (tags, etc)


Sou Merecedor...

por Viver os Sonhos, em 01.02.13

Sou merecedor.
Mereço tudo o que é bom.
Não uma parte, não um pouquinho,mas tudo o que é bom.
Agora me afasto de todos os pensamentos negativos, restritivos.
Liberto e deixo ir todas as minhas limitações.
Em minha mente, sou livre.
Agora me transporto para um novo espaço de consciência,
onde estou disposto a me ver de maneira diferente.
Estou decidido a criar novos pensamentos sobre mim mesmo e minha vida.
Meu modo de pensar torna-se uma nova experiência.
Eu agora sei e afirmo que sou uno com o Poder de Prosperidade do Universo.
Assim, prospero de inúmeras maneiras.
Está diante de mim a totalidade das possibilidades.
Mereço vida - uma boa vida.
Mereço amor - uma abundância de amor.
Mereço boa saúde.
Mereço viver - com conforto e prosperar.
Mereço alegria e felicidade.
Mereço a liberdade - de ser tudo o que posso ser.
Mereço mais do que isso. Mereço tudo o que é bom.
O Universo está mais do que disposto a manifestar minhas novas crenças.
Aceito essa vida abundante com alegria, prazer e gratidão, pois sou merecedor.
Eu a aceito; sei que é verdadeira.
Sou grato a Deus - por todas as bênçãos que recebo.


Louise L. Hay

Autoria e outros dados (tags, etc)


Como tirar a dor da alma?

por Viver os Sonhos, em 31.01.13

 

 


Queridos amigos convido-vos a assistir a estes pequenos vídeos muitos interessante e úteis já que apresentam as terapias e a forma mais saudável de acabar com a dor de alma, com os sentimentos negativos e retomarmos a nossa calma e tranquilidade... e até mesmo evitar doenças como o cancro fazendo um  resgate à nossa PAZ interior. Para isto é necessário trabalharmos a nossa espiritualidade.

Espero que gostem

Beijos amorosos!

 ISA

Autoria e outros dados (tags, etc)


Onde estão os anjos?

por Viver os Sonhos, em 26.01.13

As primeiras descrições sobre anjos apareceram no Antigo Testamento.
No Novo Testamento, anjos apareceram nos momentos marcantes da vida de Jesus: nascimento, pregações, martírio e "ressurreição". Depois da ascensão, Jesus foi colocado junto ao Anjo Metatron.
São Tomás de Aquino foi um estudioso do assunto. Ele dizia que os anjos são seres cujos corpos e essências, são formados de um tecido da chamada luz astral. Os anjos comunicam-se com os homens através da egrégora, podendo assim assumir formas físicas.
Os anjos eram chamados de DAIMONES pelos gregos, o que significa também génios ou seres sobrenaturais. Nessa categoria, encontramos os obreiros de Deus: gnomos e duendes (terra); fadas e silfos (ar); salamandras (fogo) e ondinas (água).
O nome Daimones, porém, correspondente à palavra "demónio", como entendiam os autores eclesiásticos.

Assim como estamos presos à terra pelas leis da gravidade e não podemos ficar suspensos no céu, os anjos têm dificuldades para ficar connosco na terra. O que dá consistência para a sua permanência é a luz ou energia da nossa aura. De uma forma mais simples, poderíamos dizer que a aura é para o anjo o mesmo que o oxigénio é para nós. Se estamos bem, automaticamente são reforçadas nossa simpatia e presença.

Quando estamos tristes ou deprimidos a nossa aura diminui e o anjo não atua, dando força ao nosso anjo contrário. Isto nos faz antipáticos. O anjo guardião, que não participa das infelicidades, pede ajuda para que outro anjo resolva os nossos problemas. Ficar em sintonia com seu anjo guardião é anular, neutralizar a força do génio contrário. Com isso sua vida há de prosperar, já que Deus é prosperidade e quer que prosperemos também.

Quando fazemos uma oração, o nosso anjo não ouve ou sente o pedido. Nesse momento a nossa aura muda de cor e é isso que ele compreende. Quando oramos, nossa aura torna-se azul ou verde. Já quando abraçamos uma pessoa querida, ela fica cor de rosa, o que faz, com certeza, nosso anjo bater as asas no plano etéreo.

Analisando as religiões milenares existentes, podemos observar a presença destes seres em todas elas, seja nas mais diferentes formas e com os mais diversos nomes. Anjos são os mensageiros de Deus. São elementais, seres de luz, com todas as suas propriedades: velocidade, brilho e poder de cura. 
Os Anjos sempre estão ao seu lado, não importa que você nunca tenha dedicado sua vida a ele, diríamos que são nossos "treinadores" da vida, nos orientando, nos conduzindo e até mesmo nos incentivando.

Os Anjos são como os nossos pensamentos. Não os vemos, sabemos que existem e podemos tê-los quando quisermos, sem limites! Estes seres maravilhosos podem manifestar-se à nossa volta, usando todos os tipos de artifícios necessários, para que entendamos os seus "sinais", eles tomam até mesmo a forma da figura humana. Quem já não teve na vida uma experiência, na maioria das vezes desesperadora, onde surgiu do nada uma pessoa estranha, com o único intuito de ajudar naquele momento e depois desaparecer, tão misteriosamente como surgiu?
Pois são exatamente eles...São nossos Anjos que vem em nosso auxílio num momento de desespero. Mas não precisa também ser obrigatoriamente na forma humana. Eles enviam-nos mensagens constantemente, basta apenas estarmos atentos.

Durmam com os Anjos. Beijinhos sonolentos!

Isa 

Autoria e outros dados (tags, etc)


Cores com Sentimento

por Viver os Sonhos, em 26.01.13
Laranja aquece o coração como o Sol.
Rosa fornece amor como o teu olhar.
Vermelho dá-te energia para lutar e seguir em frente.
Verde protege-te dos males e dos vícios.
Roxo condena as más ações.
Castanho afasta-te do que queres ser.
Amarelo coneta-te com o divino.
Azul detende-te da escuridão.
Lilás vives noutra dimensão.
Branco é puro e belo.
Preto é dor reprimida e sentida pelo espírito.

 
Dr. Bezerra de Menezes, canalizado por Isa a 2-01-2013 

Autoria e outros dados (tags, etc)


O sentido da vida

por Viver os Sonhos, em 24.01.13

A vida é estranha. Geralmente ficamos obcecados por grandes feitos quando na verdade é a combinação de coisas pequenas que tornam as coisas grandes possíveis.
Invariavelmente tentamos criar nossos próprios mundinhos para termos a ilusão de que controlamos a nossa existência achando que a individualidade é a nossa essência, mas nos afetam as discordâncias sem percebermos que são as diferenças que tornam a vida interessante.
Quando criamos o nosso mundo, construímos nele barreiras defensivas em torno de nossos sentimentos para justificar o medo que sentimos de sermos próximos de alguém.
Para descobrirmos o verdadeiro sentido da vida, temos que olhar com mais clareza para dentro de nós mesmos e nos descobrirmos dentro deste universo chamado Vida.
E é importante demais que consigamos ouvir o eco da voz que se chama consciência, pois é ela quem nos fará ouvir as verdades.
Muito se fala sobre o tema Vida.
Dizem que vida é sabedoria, é coisa profunda, é ter família e perpetuar a espécie. Eu digo que vida é amor. Amor em todas as suas frágeis formas, força poderosa e duradoura que dá sentido real a todas as vidas.
É o amor que nos impulsiona a celebrar a vida, nos faz ser criativos, é a força que nos diz que se há coisas pelas quais vale a pena morrer, há muito mais coisas pelas quais vale a pena viver.

Outro dia me deparei ouvindo um relógio dentro de mim. Um relógio de vida que todos temos e que faz a contagem regressiva do tempo que nos resta. Um dia ele para e ninguém contesta... Foi então que entendi que não dá para perder um segundo. Cada tic tac é precioso demais e nos dá a certeza de que temos que fazer o que nos deixa feliz.
Pena é que muitos de nós, preocupados com o que os outros vão dizer ou pensar, deixamos de abrir as asas. Os enganos são parte da vida, os erros do passado já não precisam ser castigados. A rejeição e a resistência sempre serão inevitáveis quando fazemos algo especial, portanto não adianta nos perguntarmos a todo o momento se fizemos certo ou errado. Sempre teremos a resposta em nosso coração...
E quando nos virmos cercados de pessoas querendo nos ver fracassar ou fazer menos, é importante seguirmos caminho mesmo sendo ele difícil.
Sempre teremos um dia Não, mas o importante é sabermos que sempre haverá o dia Sim...
Quando nos olharem com estranheza, achando que sabem onde queremos chegar, é exatamente quando temos que lutar. Nunca desistir é o lema, pois é quando lutamos que nossos sonhos se realizam e então temos a certeza de que lutar valeu a pena, pois é com a vitória que saboreamos cada gota de vida que nos resta.

 Augusta Schimidt

Este poema é um convite a mergulhar em si mesmo, a aceitar a sua vida, o que é e não desistir nunca de alcançar o que mais deseja -  os seus sonhos. 

Beijinhos sonhadores!

Isa

Autoria e outros dados (tags, etc)


A ligação corpo-mente-espírito

por Viver os Sonhos, em 22.01.13
Nós somos simultaneamente uma combinação de corpo, mente e espírito. No entanto, existe dentro destas três partes interativas, uma cadeia de comando lógica onde o corpo é subserviente da mente e onde tanto a mente como o corpo são subservientes do espírito. Provavelmente já todos sentimos numa altura ou noutra esses momentos espiritualmente esclarecedores que nos recordaram a proeminência do espírito sobre a mente e o corpo. Entre os muitos exemplos encontram-se as visões e sons do nosso ambiente natural potencialmente habilitadoras - um magnífico pôr-do-sol, uma paisagem ao luar, uma forte queda de água, uma vista do oceano, uma chuva de Verão, uma ave aquática em voo, o céu estrelado - cada um deles nos pode equilibrar e harmonizar num instante com o admirável poder do universo.
Porque a mente, o corpo e o espírito são interativos por natureza, separar as suas funções em discretas categorias é uma tarefa muito difícil. Até agora, a abordagem científica convencional para solucionar este dilema, foi a de simplesmente reduzir a equação aos componentes mental e físico.
De uma perspectiva espiritual, todas as nossas vivências de cada vida - passado, presente e futuro - têm de acabar por ser integradas na nossa alma para facilitar a nossa evolução espiritual. É através do processo de integração que aprendemos lições espirituais que poderiam ser difíceis, quando não impossíveis, num estado de desencarne. é esta a principal razão por que estamos aqui - para aprendermos e crescermos espiritualmente, ao mesmo tempo que contribuímos para a evolução espiritual dos outros.  
Quando unimos a consciência e a experiência humanas exclusivamente ao cérebro, passam a ser a propriedade única do corpo físico. consciência, perceção, raciocínio, memória, resolução de problemas, atitudes, emoções, crenças e outras funções mentais passam a ter base física e portanto a ser dependentes da sobrevivência do corpo físico. 
Sabemos que as funções mentais e físicas falham e que o corpo acaba por se gastar. Só o espiritual é para sempre. Dada a permanência do espírito e a natureza temporal do corpo, segue-se que a nossa evolução espiritual poderia exigir mais que uma vida, com cada vida a oferecer um novo corpo físico e uma reencarnação dinâmica do espírito para resultar em possibilidades totalmente novas de crescimento.  
Mas como pode,os explicar a natureza temporal do físico versus a natureza permanente do espiritual? É simples, só o que não tem princípio pode ser interminável. Todas as coisas físicas, incluindo o corpo biológico, têm um começo e portanto um fim; todas as coisas espirituais, incluindo a alma, não têm princípio e portanto não têm fim.

Sabemos que, por natureza, cada um de nós possui uma constituição genética chamada genótipo que fornece a estrutura biológica única para o nosso desenvolvimento. É temporal e portanto defeituosa. Termina na morte com o corpo físico. Cada nova vida, consequentemente, exige um novo corpo com um novo genótipo como estrutura para o crescimento e desenvolvimento durante a vida. 
Em paralelo com o nosso genótipo físico existe um genótipo espiritual  que fornece a estrutura espiritual para o nosso crescimento e desenvolvimento. Enquanto o genótipo físico garante a nossa identidade única como ser biológico temporal, o genótipo espiritual garante a nossa identidade única como ser espiritual  intemporal. Por não ser físico, o nosso genótipo espiritual é para sempre - é sem princípio ou fim. é simultaneamente espiritual e sem mácula. Mantém-se inteiro e inalterável de vida para vida. Garante, portanto, a nossa sobrevivência perpétua como ser espiritual único. dito de uma maneira simples, o genótipo espiritual é a estrutura perpétua onde o espírito evolui.
 Desta perspectiva, a alma pode ser definida como essa única e imortal essência da força da vida sem a qual não poderíamos existir. A alma não é uma coisa que eu possua; é aquilo que eu sou para sempre. Mais que um corpo físico com uma alma, sou uma alma com um corpo físico. Cada vida oferece novas oportunidades para interagir como alma com uma nova equivalente biológica e um novo ambiente para maximizar quaisquer potenciais de crescimento à disposição nessa vida. Cada alma é por natureza perfeita e indestrutível. As almas evoluem mas não se podem danificar ou quebrar. Você é uma alma de perfeição dentro de uma realidade eterna. Já existe como alma antes da sua primeira vida e existirá como alma para além da última. Em cada uma das vidas existiu como alma numa forma encarnada que deu energia ao seu corpo físico. Existiu como alma entre vidas na forma desencarnada, proporcionando assim uma continuidade de consciência independente  da fisiologia. No entanto, a alma é mais que um estado de consciência - é um estado de ser espiritual caracterizado pelo livre-arbítrio e autodeterminação.  

Joe H. Slate, do livro : O Mundo do Além 

Beijinhos espirituais

Ísis

Autoria e outros dados (tags, etc)


O sentido da existência

por Viver os Sonhos, em 21.01.13
É urgente falar aos Homens!

Hoje estou profundamente triste.
Triste pela minha geração que nada mais tem de conteúdo humano.
Odeio, com todas as minhas forças, a minha época.
O homem morre de sede!
E só existe um problema, um só problema existe no mundo:
devolver ao homem um sentido espiritual, fazê-lo sentir inquietações espirituais...
Não se pode continuar vivendo só de futebol, de política, de greves, de palavras cruzadas.
Não se pode viver sem poesia, sem calor , sem amor.
Só existe um problema:
Voltar a descobrir que existe uma vida do espírito, a única que satisfará o homem...
é urgentíssimo falar aos homens...
Necessitam tanto, tanto de Deus...

Saint-Exupéry

Querido amigos é sempre tempo de questionarmos o sentido da nossa existência e este excerto de Saint-Exupéry é verdadeiramente forte e simples nessa questão.

Beijinhos existenciais!

Ísis M.

Autoria e outros dados (tags, etc)


Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Posts mais comentados




Mensagens


subscrever feeds